Please use this identifier to cite or link to this item: https://observatorio.fm.usp.br/handle/OPI/10663
Title: Decision-making on childhood vaccination by highly educated parents
Authors: BARBIERI, Carolina Luísa AlvesCOUTO, Márcia Thereza
Citation: REVISTA DE SAUDE PUBLICA, v.49, article ID 18, 8p, 2015
Abstract: OBJECTIVE To analyze the sociocultural aspects involved in the decision-making process of vaccination in upper-class and highly educated families. METHODS A qualitative approach based on in-depth interviews with 15 couples from the city of Sao Paulo, Southeastern Brazil, falling into three categories: vaccinators, late or selective vaccinators, and nonvaccinators. The interpretation of produced empirical material was performed through content analysis. RESULTS The study showed diverse and particular aspects surrounding the three groups’ decisions whether to vaccinate their children. The vaccinators’ decision to vaccinate their children was spontaneous and raised no questions. Most late or selective vaccinators experienced a wide range of situations that were instrumental in the decision to delay or not apply certain vaccines. The nonvaccinator’s decision-making process expressed a broader context of both criticism of hegemonic obstetric practices in Brazil and access to information transmitted via social networks and the internet. The data showed that the problematization of vaccines (culminating in the decision to not vaccinate their children) occurred in the context of humanized birth, was protagonized by women and was greatly influenced by health information from the internet. CONCLUSIONS Sociocultural aspects of the singular Brazilian context and the contemporary society were involved in the decision-making on children’s vaccination. Understanding this process can provide a real basis for a deeper reflection on health and immunization practices in Brazil in light of the new contexts and challenges of the world today.

OBJETIVO Analisar os aspectos socioculturais envolvidos no processo de tomada de decisão da vacinação em famílias de alta renda e escolaridade. MÉTODOS Abordagem qualitativa, com uso de técnica de entrevista em profundidade, realizada com 15 casais residentes na cidade de São Paulo, SP, alocados em três grupos: vacinadores, vacinadores tardios ou seletivos e não vacinadores. O percurso analítico-interpretativo do material empírico foi realizado por meio da análise de conteúdo. RESULTADOS O estudo encontrou diversidades e particularidades frente à decisão de (não) vacinação infantil nos três grupos. Nos casais vacinadores, a decisão em vacinar os filhos apresentou-se sem questionamentos. A maioria dos vacinadores tardios ou seletivos vivenciaram diferentes situações que foram determinantes para a decisão de postergar ou excluir algumas vacinas. O processo de decisão nos casais não-vacinadores foi expresso num contexto mais amplo envolvendo a crítica às práticas obstétricas hegemônicas no país e o acesso às informações veiculadas pelas redes sociais e internet. Os dados evidenciaram que a problematização das vacinas (que culminou na tomada de decisão de não vacinar os filhos) ocorreu no contexto do parto humanizado, foi protagonizada pelas mulheres e teve importante influência das informações em saúde veiculadas na internet. CONCLUSÕES Aspectos socioculturais singulares do contexto brasileiro e da sociedade contemporânea mais ampla estão envolvidos na tomada de decisão em vacinar ou não os filhos. A compreensão desse processo é importante para fornecer subsídios a uma reflexão mais profunda sobre as práticas de saúde e imunização no Brasil, nos novos contextos e desafios do mundo contemporâneo.
Appears in Collections:

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - FM/MPR
Departamento de Medicina Preventiva - FM/MPR

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - LIM/39
LIM/39 - Laboratório de Processamento de Dados Biomédicos


Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_BARBIERI_Decisionmaking_on_childhood_vaccination_by_highly_educated_parents_2015.PDFpublishedVersion (English)262.39 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.