Please use this identifier to cite or link to this item: https://observatorio.fm.usp.br/handle/OPI/12762
Title: Geração e categorias geracionais nas pesquisas sobre saúde e gênero no Brasil
Authors: COSTA JUNIOR, Florencio Mariano daCOUTO, Marcia Thereza
Citation: SAUDE E SOCIEDADE, v.24, n.4, p.1299-1315, 2015
Abstract: The he held has long recognized sociocultural factors as multi-determinant of production processes of he and has discussed the dynamism between gender, race/ethnic and social class, as well as the conjugation of those categories in order to understand the differences and inequalities in he The category generation as one of the most influential social constructions in the process of health-illness, is yet poorly explored in studies on the health area and is nlany tinles, reduced to age cohort studies Ins study of systematic review of the literature characterized as descriptive discursive, aimed to situate critically the theoretical and analytical construct of the generation category as well as its related empirical categories (childhood youth, maturity, and oldness) in studies on gender in health carried out in Brazil between the years 2001 and 2013, A descriptive analysis of 225 abstracts and a qualitative an of 57 complete texts were carried out by searches on the Biblioteca Virtual ern Saude (BVS). The results indicate a deflating of conceptual reference about the generation and the empirical categories an especially maturity, Regarding the empirical studies, the 'necessity of a better appropriation of a conceptual reference of generation becomes clear and, among the review, theoretical or essayistic studies, it can be noticed the importance of amplifying the conceptual reference of the generational category, and also of bringing elements to its applicability on health policies and practices.

O campo da saúde há muito que reconhece os fatores socioculturais como multideterminantes nos processos de produção de saúde-adoecimento-cuidado e tem discutido o dinamismo das articulações entre gênero, raça/etnia e classe social, bem como a conjugação destas categorias para compreender as diferenças e desigualdades em saúde. A categoria geração, como uma das construções sociais altamente influentes no processo de saúde-adoecimento ainda aparece timidamente explorada nos estudos no campo da saúde e, muitas vezes, reduzida a coortes etárias. Este estudo de revisão de literatura, com caráter descritivo-discursivo, objetivou situar criticamente, nos estudos de gênero em saúde produzidos no país nos anos de 2001 a 2013, o construto teórico e analítico da categoria geração, bem como as categorias empíricas relacionadas (infância, juventude, maturidade e velhice). Foram realizadas, a partir das buscas bibliográficas no portal da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), análises descritivas de 225 resumos e análise qualitativa de 57 textos completos. Os resultados indicam esvaziamento de referencial conceitual acerca da geração e das categorias empíricas analisadas, especialmente quanto à categoria maturidade. Nos estudos empíricos, evidencia-se a necessidade de melhor apropriação do referencial conceitual de geração e, dentre os estudos de revisão ou de caráter teórico e ensaísticos, nota-se a importância em ampliar o referencial conceitual da própria categoria geracional, bem como trazer elementos para sua aplicabilidade no âmbito das políticas e práticas de saúde.
Appears in Collections:

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - FM/MPR
Departamento de Medicina Preventiva - FM/MPR

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - LIM/39
LIM/39 - Laboratório de Processamento de Dados Biomédicos

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - ODS/05
ODS/05 - Igualdade de gênero

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - ODS/10
ODS/10 - Redução da desigualdade


Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_COSTA JUNIOR_Generation_and_generational_categories_in_researches_about_health_2015.PDFpublishedVersion (Portuguese)194.12 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.