Please use this identifier to cite or link to this item: https://observatorio.fm.usp.br/handle/OPI/28742
Title: Fração de câncer de cabeça e pescoço atribuível ao tabaco e ao álcool em cidades de três regiões brasileiras
Authors: KFOURI, Suely AparecidaELUF NETO, JoséKOIFMAN, SérgioCURADO, Maria PaulaMENEZES, AnaDAUDT, Alexander WelaussenWüNSCH FILHO, Victor
Citation: REVISTA BRASILEIRA DE EPIDEMIOLOGIA, v.21, n.0, p.e180005, 2018
Abstract: ABSTRACT: Objectives: To estimate the fraction of head and neck cancer (HNC) attributable to tobacco and alcohol in cities in the Midwest, Southeast and South regions of Brazil. Methods: Case-control study including 1,594 cases of HNC and 1,292 hospital controls. The association of HNC with tobacco and alcohol was estimated by the odds ratio and respective 95% confidence intervals through non-conditional logistic regression, adjusted for age, sex, schooling, consumption of fruits and vegetables, alcohol drinking (to examine the tobacco effect), and tobacco smoking (to examine the alcohol effect). The proportions of HNC attributable to tobacco and alcohol were estimated through the attributable fraction (AF) calculation. Separate estimates were made for Goiânia (Midwest), Rio de Janeiro and São Paulo (Southeast) and Pelotas and Porto Alegre (South). Results: The HNC fraction attributable to smoking was slightly higher in Goiânia (AF = 90%) than in cities in the Southeast (AF = 87%) and South (AF = 86%). The HNC fraction attributable to the consumption of alcoholic beverages presented similar and higher results in the cities of Southeast (AF = 78%) and South (AF = 77%) than in Goiânia (AF = 62%). Conclusion: The HNC fractions attributable to smoking were more expressive than for alcohol consumption. Although with discrete distinctions between them, the AFs to tobacco smoking and alcohol consumption in HNC observed in the cities of these three Brazilian regions were similar to those obtained in Latin America studies, but they were higher than in other parts in the world.

RESUMO: Objetivo: Estimar a fração de câncer de cabeça e pescoço (CCP) atribuível ao tabaco e ao álcool em cidades das regiões Centro-Oeste, Sudeste E Sul do Brasil. Métodos: Estudo caso-controle com 1.594 casos de CCP e 1.292 controles hospitalares. A associação de CCP com tabaco e álcool foi estimada pela odds ratio e intervalos de confiança de 95% via regressão logística não condicional, ajustada por idade, sexo, escolaridade, consumo de frutas e legumes, consumo de bebidas alcoólicas (para examinar o efeito do tabaco) e tabagismo (para examinar o efeito do álcool). As proporções de CCP atribuíveis ao tabaco e ao álcool foram estimadas pelo cálculo da fração atribuível (FA). Foram realizadas estimativas separadas para Goiânia (Centro-Oeste), Rio de Janeiro e São Paulo (Sudeste) e Pelotas e Porto Alegre (Sul). Resultados: A fração de CCP atribuível ao tabagismo foi discretamente mais elevada em Goiânia (FA = 90%) em comparação às cidades do Sudeste (FA = 87%) e do Sul (FA = 86%). A fração de CCP atribuível ao consumo de bebidas alcoólicas apresentou resultados similares e mais altos nas cidades do Sudeste (FA = 78%) e Sul (FA = 77%) em comparação a Goiânia (FA = 62%). Conclusão: As frações de CCP atribuíveis ao tabagismo foram mais expressivas do que para o consumo de álcool. Embora com discretas distinções entre si, as FA para tabaco e álcool observadas nas cidades das três regiões brasileiras foram semelhantes às obtidas em estudos em outras regiões da América Latina, porém, mais altas que em outras partes do mundo.
Appears in Collections:

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - FM/MPR
Departamento de Medicina Preventiva - FM/MPR

Artigos e Materiais de Revistas Científicas - LIM/38
LIM/38 - Laboratório de Epidemiologia e Imunobiologia


Files in This Item:
File Description SizeFormat 
art_KFOURI_Fracao_de_cancer_de_cabeca_e_pescoco_atribuivel_2018_por.PDFpublishedVersion (Portuguese)228.21 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open
art_KFOURI_Fracao_de_cancer_de_cabeca_e_pescoco_atribuivel_2018_eng.PDFpublishedVersion (English)225.19 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.